quarta-feira, 19 de junho de 2019

Basta apenas uma emanação


    Certo dia, um centurião de Roma se aproximou do Jesus e lhe pediu ajuda, pois seu servo encontrava-se com muitos problemas. Jesus disse que iria até a casa dele curar o servo. O centurião, porém, respondeu ao Mestre poucas palavras, mas que carregavam uma fé ainda não vista entre os seguidores do Messias. 

    O nobre soldado de Roma disse que não era digno de receber a visita do Mestre em sua casa. E que ele, sendo um homem de autoridade, sabia que bastava apenas uma palavra de Jesus, para que o servo fosse totalmente curado, visto que tudo o que ordenava aos seus criados, era feito imediatamente. O centurião reconheceu o poder da autoridade. Ele sabia bem que não era necessário mais nada, além de uma palavra do Mestre.

    Jesus ficou maravilhado e naquele mesmo instante, determinou o milagre e o servo do centurião ficou curado. Agora, trazendo isso pra nossa vida, eu te pergunto - Do que você precisa pra acreditar que recebeu o que deseja? Porque quem tem a fé do centurião não se debate, não resiste, reconhece que o colapso da funcão de onda acontece num pensamento, numa palavra de fé, num desejo. E fim. Se colapsou, já criou, já tem, já é. O resto agora é confiar, agradecer e ser feliz até que se manifeste, crendo que já recebeu.

    Você entende o que quero dizer? As pessoas precisam ver pra crer, precisam de provas. E um centurião, que nem era seguidor de Jesus, entendeu a lei da co-criação. E você, entendeu mesmo? Deseja e solta? Ou ainda se debate e sofre? Se você se comporta assim é porque ainda não crê verdadeiramente. Quer acreditar, mas a realidade material te sufoca, prende sua atenção. Um co-criador deliberado, consciente, permissivo, sabe que basta apenas uma emanação para criar qualquer coisa que almeja. Reflita! 

Luz e Benção!
Vinícius Francis :-) 

Um comentário:

  1. Emociono-me ao ler esse texto. Condiz com uma situação da qual eu passo e toda vez que a realidade tenta me sufocar, lembro que basta apenas uma 'palavra'. Gratidão a todas os envolvidos nesse trabalho, ao querido Vinícius que nos lembra dos ensinamentos do Mestre.

    ResponderExcluir

Deixe aqui sua opinião ou pergunta.