quarta-feira, 15 de março de 2017

É tempo de verdadeira e profunda mudança


Palas Athena nos chamou à responsabilidade de sermos verdadeiros e sinceros acerca de quem somos e do que de fato sentimos. Vivemos numa sociedade onde a falsidade é tida como educação. Nos manipulamos e simulamos uma série de coisas em nome do bom convívio, da aprovação alheia e de nossas próprias conveniências. Vejo muitas pessoas querendo mudança em suas vidas, mais dinheiro, amores, saúde, lazer, no entanto, custam a entender que verdadeira qualidade de vida é, primeiramente, estar bem por dentro.

Todo resto é secundário. E isso tudo é parte do que disse Jesus sobre buscar o Reino de Deus. E como o próprio disse a mim ontem, o Reino é uma condição interior e não um lugar. E fazer parte desse Reino, antes de qualquer coisa, é abraçar a Verdade e sermos sinceros conosco e com o próximo. Esse é o primeiro passo de uma vida realmente feliz. Eu recebi algumas mensagens dos leitores que me disseram o quanto se sentiram mexidos pelas palavras da Mestra. É hora de uma revisão completa. Não é tempo de empurrar a vida com a barriga, como costumeiramente (há milhares de anos) a humanidade tem feito.

Todas essas mensagens casam perfeitamente com os ensinamentos de Jesus que estão sendo compartilhados comigo nos últimos dias. Tenho tido a graça de interagir com ele frequentemente. Claro que isso envolve o projeto Espiritual para o qual me chamaram, nenhum deles se comunicam comigo só porque vai com a minha cara, isso eu já falei muito. 

Contudo, não deixa de ser uma grande e inefável benção. Eu tenho feito perguntas relevantes a ele, sentido a sua pessoa, observado mais seu caráter, pureza, humildade e aprendido absurdamente com tudo isso. Em cada encontro eu procuro absorver dele o máximo que eu puder. Porque reconheço a constante necessidade de transformação, tão pontuada pela Mestra na última mensagem. Zonas de conforto nos afastam, não somente da luz e do progresso espiritual, como de nossas realizações pessoais nesta vida.

O dinamismo e o movimento acelerado nos chamam. É hora de mudança drástica. É hora de nos permitirmos ser profundamente lapidados em amor, para que o sofrimento não tenha que assumir esse papel. Então, vamos fazer mais do que ler textos e canalizações, meditar e repetir mantras, claro, tudo isso também é bom. Só que carecemos de mais, muito mais. 

Precisamos é mergulhar de cabeça na iluminação. Deixar para trás as máscaras, personagens, o velho eu, os pesos, bagagens, mentiras, nos despir e nos apresentar em nossa Verdade à Luz e a partir daí, de fato, caminhar com ela, nela e por ela. Te digo que é só assim que poderemos realmente ser felizes e viver em plenitude, em Graça. Comprometa-se com a sua transformação, comprometa-se com o Bem, comprometa-se com o aprendizado constante. Comprometa-se com o trabalho interior. Comprometa-se em se tornar cada vez mais alinhado, melhor, maduro, consciente, lúcido, dedicado. Os frutos virão, é inevitável.

Que o Amor nos cure!
Vinícius Francis :-) 

2 comentários:

  1. Vinicius, agora foi a sua vez de desferir uma amorosa chinelada terrena, pela qual sou profundamente grato! Necessitamos destas sacudidelas, pois somos pessoas mimadas, acomodadas em zonas de conforto e travadas pelo medo de procurar o Reino de Deus em nossos corações. O dinamismo e o movimento tão necessário à esta busca inibe e é quando você e Athena nos lembram que é tempo de fechar os livros e partirmos para a ação.
    Parabéns pela inspiradíssima e bela frase: "É hora de nos permitirmos ser profundamente lapidados em amor, para que o sofrimento não tenha que assumir esse papel."

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marcos, que bom saber que as palavras deste texto te tocaram profundamente. São as coisas que tocam a nossa alma que realmente nos transformam. Obrigado por seu comentário edificante! Adorei o "chinelada terrena" kkkk...

      Luz e Benção!:-)

      Excluir

Deixe aqui sua opinião ou pergunta.