terça-feira, 4 de outubro de 2016

Compreender as lições da vida


Sabe quando determinadas situações parecem querer jogar por terra o bem que estamos cultivando? Pois é. Eu sei que você passa por isso. A primeira coisa que precisa ser feita nesse caso é uma leitura justa da circunstância. Porque nós aprendemos a ser extremamente dramáticos e sentimentais, desenvolvemos um comportamento mimado de reagir negativamente aos fatos da vida e sempre ler tudo de forma trágica.

E com drama e desespero não chegamos a lugar algum. Ok, está acontecendo algo que mexe com suas estruturas? É nesse momento que você mais precisa ser firme, calmo, para tomar as melhores decisões e acessar o campo mental criativo, que é onde brotam as ideias, soluções, inspirações.

A primeira coisa a ser feita: Sem desespero, por favor! Sem choro, sem frescura! A situação está aí para ser resolvida. E nada vem à toa, tudo acaba sendo fruto de algo que criamos no passado, que negligenciamos ou que executamos de forma errada. E como tudo tem consequência, uma hora a continha chega. Tudo bem, respire fundo. Muita calma nessa hora! O mundo não vai acabar, você não vai morrer por causa disso. Olha, já diminuímos o drama.

É só uma situação e nada mais. Não tem nenhuma força tentando te avacalhar, é você que faz a leitura errada das lições da vida que unicamente surgem para nos desenvolver como Ser. Então, aceite esse processo natural e escute com seus sentidos e inteligência o recado da vida e flua com ela. Faça o que tiver que fazer, mude o que tiver que mudar, apoiando-se, amando-se, positivando-se e acima de tudo, com boa vontade pra seguir em frente e construir uma vida melhor. Mas, por favor, sem desespero. Isso só te atrapalha. É hora de amadurecer. E nada melhor do que um desafio pra fazer isso. 

Que o Amor nos cure!
Vinícius Francis 

Um comentário:

Deixe aqui sua opinião ou pergunta.