sábado, 9 de julho de 2016

Conversando sobre Espiritualidade - Só quando o Ego ceder que tudo mudará

Há algum tempo iniciamos uma série de textos, nos quais conversamos sobre Espiritualidade, alguns assuntos que orbitam um pouco fora do autoconhecimento. Embora conhecer e aprender sobre o nosso Universo interior seja de extrema importância na construção de uma vida feliz, ir além disso mostra-se cada vez mais necessário. Porque temos uma humanidade que carece de conhecimento. Obviamente, conforme já falamos tantas vezes, a falta do conhecimento é o que sujeita esta civilização ao sofrimento, como o vemos hoje.

Agora, por que, embora o conhecimento seja tão grandemente oferecido nos dias de hoje, a maioria ainda o resiste? Simples, porque não tem jeito de absorver conhecimento sem expandir a consciência. Um é consequência do outro. Inevitável consequência. A partir do momento em que se estuda, o indivíduo vai agregar informação a ele e isso faz a consciência se expandir. Mas qual o problema da consciência se expandir? Nenhum, o problema está é na resistência do ego.

Você sabe, somos um planeta regido pelo ego inflado, prepotente, arrogante. Somos uma civilização que disputa posições sociais, um quer ser mais lindo que o outro, porque quer ser notado, visto, engrandecido. O outro quer ser o mais rico, o mais famoso, o mais inteligente e por aí vai. Um mundo de competição. De ganância desenfreada, de consumismo. Que claro, tem causado sérias consequências em todo planeta.

E infelizmente, nem mesmo em movimentos espiritualistas, a coisa muda. O ego continua no poder, dominando tudo. Porque essa é a ideia do ego, dominar, possuir, ter com as mãos, pois acredita que tendo, ele será mais feliz, satisfeito. No entanto, satisfação baseada em “ter” é como encher um saco com um rombo embaixo, nunca estará cheio. O que satisfaz o homem é o Amor, incondicional, desinteressado, genuíno. Só isso preenche a alma. Mas o ego inflado corre desse Amor, porque nele não tem negócios voltados aos interesses única e exclusivamente pessoais.

Nesse tal de amor incondicional eu não posso pensar só em mim. Precisa acabar essa historia de ser o mais lindo e chamar a atenção toda pra mim. Na coisa do Amor incondicional, eu preciso fazer da minha vida um instrumento a serviço do Bem coletivo. Aí o bicho pega, porque ego inflado não quer isso. Só quer ter, conquistar, possuir. Mas isso é quando ele se torna inflado demais. Porque a grande maioria nem quer tanto poder assim, a grande maioria ainda é mais medíocre, só quer um emprego estável, um bom carro na garagem, uma conta no banco com fundos razoáveis, um namorado (a), uma viagenzinha de vez em quando e está tudo certo. E os outros? Que outros? Danem-se eles, não são problema meu! Não é assim?

Pois é, esta é a realidade da maioria, inclusive do meio espiritualista. É um querendo ser mais iluminado que o outro. Ou seja, mudam-se os termos, mas as ações são as mesmas. Nada mudou. Continua-se na condição de ego inflado, do mesmo jeito que era na religião, do mesmo jeito que era na idade média, do mesmo jeito que era nos tempos de Jesus, do mesmo jeito que era há dez mil anos e por mais tempo do que isso, ainda.

Homens usando o divino para impor a sua vontade, as suas ideias. Homens que usam Deus para oprimir o povo e espiritualistas usando Mestres e extraterrestres para formarem seus grupos, repassando falsos ensinamentos, mentiras, engano, distorções. E onde está a verdade, afinal? Onde se ensinam as leis do Universo.

É só a gente voltar em Jesus, pra entender a verdade. O que ele ensinava? O amor e o como a vida funciona. E só. Porque ele sabia que todo o resto se altera se forem entendidas as leis do Criador e se o amor for aceito e vivido plenamente. Se você ama incondicionalmente, entra em fase com o Criador, aí vira Um com Ele. Se conhece as leis do Universo, então sabe como criar tudo. E fim dos problemas da humanidade. E fim dos problemas pessoais.

Mas para chegar nisso tem que render o ego ao Amor. Aí mora o problema. Se levantar da zona de conforto e estudar, trabalhar, servir, enfrentar os medos, deixar de querer só o próprio conforto e voltar os olhos ao todo, não somente ao próprio umbigo. A maioria nunca alcança nada porque não percebe isso que estamos conversando aqui. Estuda lei da atração, mas não tem resultado. Por quê? Porque o ego ainda está no poder.

Caro, reflita comigo, o poder do Universo é de quem? De Deus, certo? Ou Todo, Fonte, Um, Vácuo Quântico, Eu Sou... Dê o nome que você quiser. Agora, o que Deus é? Amor, não é? Então, essa é a frequência de Deus. Como é que você acredita que pode fazer sua vida se alterar sem que seja preciso entrar em fase, alinhar-se com o Amor? Impossível. O único poder que existe é o do Amor. A menos que você se unifique-se com ele, sem poder. E se não tem poder fluindo por você em grande escala, nada de mudança. Qual é a outra alternativa? Esforço e luta, incessantes. Que na maioria das vezes não dão em nada ou em pouca coisa.

Porque o sistema desse mundo é colonizado, só alguns têm privilégios. A grande maioria não tem. O que sobrou então? Ir pelo Amor, não tem outro jeito. Mas enquanto você pensar só no seu Bem não vai fluir o poder que você precisa. Enquanto a sua missão girar em torno somente de satisfazer o seu ego com a casinha, relacionamento, vida financeira legal e namorado (a), não tem poder suficiente, então não tem transformação.

Tem bilhões de pessoas infelizes neste mundo porque não entendem isso. Continuam lutando pra realizar seus sonhos, constantemente insatisfeitos e nada acontece. Só que não percebem. Porque se perceberem, terão de ceder aos interesses do Criador. E não querem conversa com isso. Definitivamente, não.

Não entendem que pra ter o sonho realizado, tem que parar de querer. Não aceitam que para que todas as outras coisas sejam acrescentadas é preciso buscar o Reino e os interesses dele em primeiro lugar. Do contrário, só restou o caminho do.... Esforço. E já sabe onde isso vai dar, não é? Vamos falar a verdade? A menos que você seja muito lindo (a) dentro dos padrões de beleza do mundo, tenha um padrinho forte entre poderosos ou um talento estupendo com alguma arte e boas oportunidades, sem chance de crescer nesse mundo através do esforço. O outro meio é o Reino de Deus, nele você pode ter tudo, sem ter que se matar, só vai ser preciso fazer uma coisa, e é: Convém que eu (ego) diminua e que Ele (O Criador, o Amor) cresça. Só isso.

Mas vai ter que sair do paradigma, vai ter que se abrir a mais do que acredita no momento. Porque, francamente, canso de ver espiritualistas dizendo que transformar água em vinho é algo impossível, que Jesus não fez nenhum daqueles prodígios e sinais, que é impossível andar sobre a água, que tudo isso é fábula, fantasia, delírio.... Mas, na nave que voa entre uma dimensão e outra, acredita, não é?

Em extraterrestre acredita, não é? Em canalização, que é uma transferência de informação de um nível de consciência que está num Universo muito acima para outro que está cá embaixo, acredita, não é? Ou seja, a física do Universo só funciona pra umas coisas, pra outras, não. Ou seja, acreditar conforme a conveniência pessoal, ou melhor, conforme a coragem em se abrir ao conhecimento e sair do paradigma e crescer, produzir, dar a cara a bater. 

Porque tem medo de reconhecer que tudo é possível. Porque se tudo for possível, não haverá mais vítimas, só co-criadores. E para muitos, ser vítima ainda é confortável. No entanto, esses que se assumem vítimas são justamente os que vivem pedindo por soluções. Mas elas estão aí, e serão vividas quando o ego ceder o controle ao Criador e seu poderosíssimo e transformador Amor. Que você reflita sobre isso. 

Que o Amor nos Cure!
Vinícius Francis 

Para conhecer os nossos cursos e trabalhos disponíveis, venha conhecer a nossa nova Loja Virtual, clicando na imagem ao lado. Você mesmo pode baixar todo material que adquirir. São muitas as ferramentas que podem te ajudar ricamente em seu desenvolvimento pessoal e construção da sua felicidade. :o) 



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opinião ou pergunta.