terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Experiência pessoal - Às vezes nem nos damos conta de que alguns sonhos já se manifestaram


Hoje aconteceu algo interessante que eu gostaria de dividir com vocês. De uma forma não proposital, acabei fazendo uma caminhada longa (que merecia mais alguns “o”s na palavra “longa”). Estava eu em frente ao Mineirão e dali, caminhei até minha casa. O estádio está de um lado da Lagoa, minha casa está do outro, pense numa peregrinação! Mas, embalado pela apreciação a esta região que eu gosto tanto de Belo Horizonte, andei.

E o que começou como uma indesejada e longa caminhada se transformou num momento de apreciação e reflexão (como sempre) muito importante pra mim. O dia estava lindo, céu azul, o Sol exuberante sem queimar a pele, as pessoas caminhando ou correndo em volta da lagoa, os carros num fluxo tranquilo, as belezas naturais, garças, patos, outras aves, flores, árvores e aquelas estradinhas charmosas por entre as árvores da orla, formando um cenário inspirador.

Enquanto eu andava, lembrei-me de que há anos eu sonhava em morar perto da Lagoa da Pampulha, sempre foi uma região que me fascinou muito, porque todo esse cenário, em determinada época, significou muito pra mim, carregava sentidos que iam muito além de simplesmente morar neste lugar. E enquanto eu andava, conversava comigo mesmo (E com Athena, os Elohim e toda galera) em meio à apreciação de todo o cenário e vida ricamente expressa, percebi de uma forma muito bonita que o sonho de outrora era agora real. Não foi do modo como eu imaginava que aconteceria, mas aconteceu.

E eu estava ali, beirando às onze da manhã, caminhando tranquilamente pela orla, eu finalmente estava morando no tipo de bairro que, lá atrás, desejei morar, no lugar em que eu queria, e numa caminhada “não proposital” eu senti tudo com aquela intensidade. O mais interessante é que, eu desejei tudo isso e depois esqueci, fui viver outras coisas, busquei outros caminhos, outros sonhos e objetivos, eu mudei. Mas ficou registrado nos arquivos universais o meu desejo. Eu sequer pensava que passaria um tempo nesta região, até porque já tinha me esquecido desse sonho. E muito interessante o fato de que, eu vim pra onde eu desejei vir um dia, de uma forma totalmente involuntária.

Às vezes nem nos damos conta de que a vida está tocando na direção dos nossos sonhos, porém nossas idealizações nos fazem acreditar que tudo precisa de um jeito quando existem milhões de maneiras de algo acontecer. O proveito maior que eu tirei disso foi que: Você não precisa afirmar ao Universo quinhentas mil vezes que quer algo, tampouco ficar de cima tentando fazer aquilo acontecer. A inteligência cósmica é extremamente sensível e nada do que emitimos se perde, ainda mais quando são sonhos puros, almejados sem tantas expectativas.

Na época em que eu queria, nossa, tinha mil e uma ilusões e uma ansiedade que me fazia querer viver tudo aquilo de um dia pro outro. E o que aconteceu foi que, quando eu não mais queria, veio. Mas não veio porque eu não o queria mais, veio porque eu não mais o resistia. A grande verdade e lição que eu quero passar é que se você soltar, se entender que não é pra ficar de cima, e sim desejar e largar nas mãos invisíveis da vida o seu desejo, mais cedo ou mais tarde, de acordo com as suas posturas interiores e o viver que escolher adotar, aquilo que você deseja vai acontecer. Não importa quanto tempo vai durar ou se vai ser tudo o que você imaginou, a oportunidade chega, as portas se abrem, a vida sempre dá a chance que a gente quer, quando há uma crença em nós, favorável.

É lei, não se preocupe com isso. Seu trabalho ao soltar um objeto da mão não é fazer algo para que ele caia no chão (rimou), porque você sabe que ele naturalmente deve cair. Você apenas fica observando isso acontecer, com um foco observador de apreciação e não de resistência, do tipo “Será mesmo que ele vai cair?” Você sabe que vai, pois conhece a lei da gravidade. A Lei da atração também é tão assertiva quanto a da gravidade.

Querido, deseja algo em sua vida? Então, cultive os bons estados e os pensamentos de gratidão em relação ao que você deseja, porque certamente, num dia, de uma maneira inusitada, assim como ocorreu comigo hoje, você vai perceber que um sonho seu já se tornou real. Eu não estava ali simplesmente para andar, fui conduzido nessa experiência para perceber que eu estava exatamente onde um dia eu quis tanto estar.

E daqui pra frente, agora que tenho novos sonhos, farei como hoje, vou caminhar pelas orlas da vida apreciando o bem que se mostra a mim e deixar que a mesma energia que me trouxe aqui, me leve a outros destinos, outras realizações, outras manifestações, outras sensações. 

CONVITE: Aproveito este texto para convidar você para assistir ao link abaixo: Conversando sobre Positivade. Hangout on air Youtube - Conversando sobre Positividade.  


Luz e Benção!

Vinícius Francis =] 

Um comentário:

  1. Parabéns Vinícius!!

    Palmas pra vc!!
    Tenho sentido muita felicidade devido a os seus projetos junto com os Elohim e Athena!!

    Obrigada!

    ResponderExcluir

Deixe aqui sua opinião ou pergunta.