quinta-feira, 17 de setembro de 2015

Palas Athena, livro Plenitude, Capítulo 01 - Sopro de Plenitude


Gostaria de compartilhar com vocês, o primeiro capítulo da obra PLENITUDE, que tive a benção de poder canalizar. São palavras cheias de luz, amor, carregas de ensinamentos que nos promovem o Bem, o crescimento, a expansão em todos os níveis. Boa leitura! 

Como o toque de uma suave brisa noturna o Amor do Criador sopra sobre vocês e sobre as vossas emoções, conferindo-vos cura, equilíbrio, harmonia e verdade. Que esse sopro de amor incondicional vos preencha e satisfaça o vosso coração ansioso, inquieto, agitado pelas solicitudes da vida terrena e de vossas causas pessoais, humanas, egoicas. E que esse sopro seja como o abrir de uma porta, cuja passagem vos levará aos Jardins do Criador, onde serão inebriados pelo perfume da essência Daquele que vos deu vida.

Que esse perfume invada o vosso ser, conferindo-vos paz e tranquilidade. Que através dele vocês consigam, pelo menos momentaneamente, se desprender de vossas causas terrenas e se ligar na vibração que vem de cima e que brota de dentro.

Fechem os olhos de vosso ser físico, tapem seus ouvidos para o som que vem de fora e mergulhem no profundo de vosso ser onde o contentamento é pleno, onde o amor transborda, onde vocês são satisfeitos e aceitos plenamente. Mergulhem no silêncio do âmago do ser para que através da ausência de todos os elementos externos e materiais vocês consigam sentir a excelência do tesouro do espírito.

Que essa essência vos toque e que o seu tocar definitivamente vos convença a se entregarem plenamente aos cuidados do divino e por ele viverem, numa escolha tão forte e tão sincera que vos motive a nunca olhar para trás. Pois aquele que durante o caminho olha para trás é porque ainda não está certo de que tal caminho é o melhor para si.

O homem que está certo de seu caminho anda por ele apenas olhando para frente. Ele não desvia sua atenção do alvo, não se volta para o que se foi, tampouco se apressa em chegar lá. Simplesmente segue e procura, em cada passo e parte da trilha, descobrir o novo, que com suas surpresas traz também aprendizados e frutos saborosos.

Ele não se apressa em experimentar todos eles, porque se pudesse degustar todos de uma só vez não conseguiria desfrutar da singularidade de cada sabor e se perderia nos múltiplos paladares.

Por isso eu, Palas Athena, seguro vossas mãos e vos peço que fechem os olhos para o que está ao vosso redor. Esqueçam os problemas de vossa nação, pelo menos agora. Esqueçam vossos conflitos nas relações amorosas, vossos problemas financeiros, de saúde física e emocional. Esqueçam a dificuldade que porventura estejam enfrentando. Esqueçam os infortúnios, as dívidas, a tristeza, a revolta, a raiva, o ciúme, o medo. Peço que, pelo menos neste instante, abram mão de tudo isso e me deem a mão.

E caminhem comigo numa trilha onde não há a dor, não há a insegurança, a vaidade e nem desconfortos humanos. Onde o vento vos refresca sem vos causar frio e os raios de Sol vos aquecem sem vos queimar. Apreciem as flores dos campos de Deus, suas árvores, sua vida, sua expressão, sua paz. É a Ele que vos conduzo nesse instante porque eu sei que Nele vocês são sarados. É no Amor Dele que vocês são banhados de Bem. De um Bem que não se vai como a chuva que cai sobre a Terra e logo se afasta juntamente com as nuvens que a ajudam a se movimentar. Eu falo de um Bem que permanece, que não vos deixa, que não vos trai, que não vos abandona e nunca vos nega amparo.

Eu vos falo de um Bem que será vosso guia eterno e constante, de um Bem que vos alimenta e vos faz verdadeiramente felizes, numa felicidade sem causa aparente. Porque quando se precisa de causa para ser feliz, então, não se é de verdade. A verdadeira felicidade é aquela que nasce sem motivos externos. A verdadeira felicidade é aquela que não se ancora em nada que possa ser visto, tocado, possuído com as mãos.

E nesta trilha eu vos envolvo em luz, sorrio com o meu coração aberto a vocês, disposta a vos mostrar as maravilhas da Plenitude de Deus como uma criança entusiasmada por descobrir algo novo e muito interessante. Mas preciso que deixem suas causas humanas aí, onde estão agora. Para que sigam leves comigo, num caminho de expansão, numa trilha onde o objetivo não é encontrar algum tesouro material ou um paraíso de descanso, a meta é a cada passo se reencontrarem internamente. Porque é através desse reencontro que naturalmente as portas de todos os tesouros se abrem.

O manto do Altíssimo vos cobre de paz e justiça e vos garante a segurança de que tudo está bem em toda parte. A bondade da fonte que vos criou amorosamente convosco seguirá em constante apoio, despejando sobre todos vocês a cada instante o incondicional “Sim”. Deus vos apoia e vos permite viver o caminho que escolherem. 

Ele apenas deseja que optem por viver nos rastros de seu infinito amor, porque Ele sabe que é por essa trilha que serão felizes e curados de vossas dores interiores.

Ele jamais determinará algo sobre os homens, antes espera e anseia que o próprio ser determine sobre si próprio a benção e o mérito que tanto deseja alcançar. E com as mãos abertas, doadoras, benevolentes, o Eterno prossegue na mais profunda intenção e vontade de vos abençoar perpetuamente. Com uma benção tão farta que jamais conseguirão contabilizar. Será sempre mais do que precisam. E essa é a intenção do Criador, visto que ao sobrar, ao transbordar, vocês, de vossa parte, abençoarão outros que estão carentes assim como vocês estavam antes de serem envolvidos pela benção Daquele que vos ama acima de todas as circunstâncias e estados.

Abram o vosso coração para que a Plenitude do Criador seja vossa companheira e habite em vossa casa interna. Vejo-vos se queixando de tantas coisas que dizem faltar em vossa vida e queria vos dizer que só sentem falta de algo quando se desligam da corrente dessa Plenitude. Aí sim, as coisas começam a faltar. Os campos de trigo secam, os ribeiros também param de fluir. As árvores não dão mais frutos, os pássaros não mais cantam, porque a sua canção, em vosso jardim interior, é o Amor de Deus.

Ele é a mais perfeita canção, assim como é a chuva que faz fluir o ribeiro; faz o verde da natureza ganhar vigor; faz os campos de trigo prosperarem; faz a vida se expandir. Porque com o coração alimentado e abastecido de Bem vocês conseguem expressar a sua bondade com mais sinceridade. E há muitos que precisam da expressão de vossa bondade por toda parte.  O Criador deseja vos curar para que através de vossa cura se tornem curadores. Somente os curados podem levar a Cura, somente os libertos levam liberdade, somente os felizes levam felicidade, somente os que em Deus habitam arbitrariamente podem levá-lo.

A Plenitude é a chave da conexão mais perfeita com as forças cósmicas que vêm do alto e das que moram em vosso interior, no seio de vossa alma. Ao se conectarem com as que estão dentro, as que vêm do alto também se conectarão. E daí em diante serão mais do que seres conectados, serão canalizadores da energia desta mais sublime conexão. Esse é meu desejo para vocês. Se eu pudesse vos pedir algo seria isso, que se conectem a essa Plenitude e se deixem levar por ela. É meu sonho à humanidade.

Não desejo ver simplesmente vossos sonhos humanos sendo realizados. Eu sonho em vos ver numa conexão limpa, porque a partir daí estará decretada toda e qualquer manifestação, de todo tipo e benéfica, positiva.

Por muito tempo venho vos assistindo de moradas altas e esperando esse tempo chegar para me aproximar de vocês, de vossos corações. Não me basta contemplar vossos olhares admirados para a estátua da que dizem ser eu, como Deusa. O que me alegra é ver vocês se rendendo à mesma energia e poder para os quais eu me rendi, porque ao fazerem isso trilharão o mesmo caminho que eu.

Ao fazerem essa escolha vocês optam pelo amor ao invés da falsidade, vaidade, ódio. Optam pela felicidade ao invés da tristeza e constante frustração e sensação de desespero. Optam pela verdade ao invés da mentira. Optam pela humildade ao invés da soberba, altivez e orgulho. Optam pelo crescimento ao invés da estagnação e morbidez. Optam pelo poder e pela fé ao invés de viverem na impotência e pequenez da ignorância. Optam por Deus em si mesmos, ao invés de viverem somente pelos conceitos do ego, que definitivamente não vos promovem excelência.

Eu sou grata por ter feito um dia essa escolha, por ter feito da minha jornada uma expressão da essência Daquele que me deu vida. E hoje sou sua serva e meu viver é espalhar o seu amor, que me satisfaz ao ponto de eu nada mais precisar. Meus tesouros são as riquezas de sua verdade, minha felicidade é contribuir com o seu projeto celeste. Meu alimento é me servir na mesa do Amor, pois saciada por ele não preciso buscar qualquer outra satisfação. E quando preenchida estou, meu único desejo é distribuir desse Amor e com ele tocar as almas, porque eu sei que o intento do Criador é trazer a si mesmo todos os que são seus para que em seu Amor as centelhas despertem.

Sim, este é o meu sonho, o despertar de cada ser, pois não mais me movo por uma personalidade egoica, movo-me pelo desejo Dele e meu viver é desdobrar o Seu viver por onde eu for. Amados, que vocês sejam abençoados e encorajados também! Que esse lindo sonho da fonte tão logo se manifeste para que a alegria seja plena em todos os corações, porque não há nada que faça a energia do Um mais contente do que o vosso contentamento. Eu vos espero nos caminhos dos Jardins do Eterno.

Sou vossa aliada.
Palas Athena através de Vinícius Francis 

Direitos Autorais: © Vinícius Francis, 2015
Você pode compartilhar esta mensagem, contanto que respeite os créditos do autor. 


 Clique na imagem ao lado
 para saber mais sobre o livro
 Plenitude, de Palas Athena. 

Um comentário:

  1. Os dizeres de Athena nos remetem à mais profunda reflexão de que só existe um Criador e que ao assumirmos sermos parte dele e com ele interagirmos em nossa jornada, encontraremos aí, a chave para realmente seguirmos em evolução.E creio que o mais importante em seus ensinamentos, está no fato de não existir fim da existência do ser, pois cada um é em Deus. Abençoado Vinícius que nos brinda com este belíssimo e rico livro, que em minha opinião, congrega todas as orientações dos anteriores em uma jóia rara a ser não somente apreciada, mas usada constantemente por aqueles que a recebem. Gratidão.

    ResponderExcluir

Deixe aqui sua opinião ou pergunta.