terça-feira, 12 de maio de 2015

Gratidão por estar à frente desse trabalho


Há quatro anos que realizo esse trabalho ao lado de consciências tão iluminadas, sempre ensinando e passando o conhecimento que me libertou de uma série de prisões e que tem me ajudado de forma inigualável a construir uma nova vida onde a felicidade está presente, graças a Deus! E obviamente, o foco aqui é ensinar mesmo, é orientar com o fim de promover uma lucidez espiritual na vida das pessoas que acompanham esse trabalho.

Acredito que um mundo melhor se constrói com aprendizado e em primeira mão, o espiritual. Pois a meu ver somente a Espiritualidade pode transformar o ser humano e o levar a uma compreensão mais justa de Deus, de suas leis e sua obra a nós incumbida, que não é outra senão o Amor e suas expressões em vários níveis e de várias formas. Claro que a vivência dessa espiritualidade não tem rótulos, nem religião. Qualquer ser humano pode ser um grande espiritualista e ao mesmo tempo ser católico, evangélico ou espírita. A religião não define o ser humano, as suas atitudes sim, fazem isso. Os seus frutos fazem isso. E esse blog é para todos os que querem aprender, crescer, se iluminar. Não preferimos nenhuma religião, tampouco queremos que você mude seu credo para seguir esses ensinamentos partilhados aqui. Você é livre para viver segundo o que sente que é melhor pra si mesmo.

Mas, o objetivo desse post não é nem esse. Eu quero mesmo é agradecer. Sim, agradecer, o melhor exercício pra fortalecer a nossa vibração no Bem e nos polarizar numa onda positiva. Aliás, eu sempre sugiro que a gratidão é o melhor jeito de “pedir” por mais do Bem. E eu vejo pessoas sendo tocadas, vidas sendo transformadas pelos ensinamentos que fluem através de mim e tudo isso, me dá motivação, força, ânimo e me faz sentir que tenho contribuído com o progresso do planeta e das almas. Acho que a nossa vida vale realmente pena quando procuramos fazer dela um meio de propagar a espiritualidade, a luz, o Amor.

E tem muitas pessoas que me escrevem elogiando esse trabalho, elogiando os textos, o conteúdo das postagens. Não desmerecendo meu dom, meu empenho e dedicação, mas digo que nada disso seria possível e fluiria da forma que flui sem o auxílio “Deles”. Elas são a inspiração, os mestres, a sabedoria e a força maior por trás desse projeto. Eu sou o canal, com minhas potencialidades sim, mas sou o canal. A luz maior e que de fato irradia sobre esse trabalho vem dos Elohim, de Athena, do Mestre Jesus, de Amaranthus e todos os grandes espíritos que me apoiam nessa jornada. A eles eu elevo minha eterna gratidão por me ajudarem dia após dia a escrever uma história a viver uma vida espiritual que eu jamais experimentaria sem essa proximidade com os mesmos. E às vezes é bom simplesmente escrever e agradecer. Porque senti de fazer isso. Agradecer, agradecer e agradecer, por tudo. 

E refletir essa gratidão a todos os leitores, à todas as pessoas que tiverem a oportunidade de entrar nesse blog e participar da ceia que Deus repartiu comigo. Eu considero toda essa riqueza espiritual que me envolve nesse trabalho um verdadeiro banquete. Agradeço muito por poder ser o canal, agradeço por terem me confiado essas pedras preciosas que são cada ensinamento e verdade entregues através do processo tão sobrenatural da canalização.

Um processo mágico, que mesmo depois de tantos anos ainda não compreendo bem. Simplesmente relaxo, me abro, permito e aí, algo que não sei explicar acontece. A sabedoria flui e meus dedos se encarregam de digitar cada palavrinha. E geralmente em torno de vinte minutos, está feito, concluído. É obra de Deus, é um fenômeno divino e sou grato por vivenciá-lo constantemente.

E ceia da qual falei, você leitor, é convidado a participar diariamente comigo. Você tem um lugar especial nessa mesa, no banquete de luz servido pelos filhos da alva. Você tem um lugar de honra na mesa de Deus e enquanto esse blog estiver no ar, tenha certeza de que eu vou te lembrar disso, sempre.

Seja abençoado!
Vinícius Francis 

Um comentário:

  1. Trabalho lindo, cheia de vida e bons ensinamentos. Gratidão sempre.

    ResponderExcluir

Deixe aqui sua opinião ou pergunta.