segunda-feira, 18 de maio de 2015

Escolha não se importar


Começando a semana, e estamos na "odiada" segunda feira! Quantos pensamentos vêm à mente dos brasileiros neste dia que é tido como o dia da preguiça! Na verdade o que eu percebo é que só os desmotivados se sentem assim. Quando vivemos de uma maneira que nosso espírito não deseja naturalmente vamos sentir o dissabor da resistência ao fluxo que geramos com atitudes do tipo.

Mas, nada de pânico! Eu bem sei que não podemos simplesmente largar as coisas e nos lançar em odisseias vibratórias em busca da realização de nossos sonhos. Todos nós temos compromissos financeiros, contas a pagar, uma realidade pra manter, relacionamentos, família e não creio que jogar tudo pro alto de um dia para o outro seja a solução mais inteligente e funcional.

Sempre ouço dos amados Elohins a seguinte frase quando menciono a eles algum contraste ou situação que não estou me agradando muito: Escolha não se importar. Olha, queridos, fiz desta frase uma lei. E você pode fazer também. Talvez você não possa mudar certos aspectos da sua realidade só com um estalar de dedos, ainda não estamos nesse nível de consciência, o que é perfeitamente normal.

No entanto, podemos iniciar um projeto de genuína transformação se escolhermos não nos importar mais com o que antes nos atingia seriamente e nos tirava o bem-estar. Fique tranquilo, você tem tempo pra isso, não se afobe, respire fundo! Ninguém lá em cima vai cobrar resultados de você, a sua vida é algo especialmente seu, individual, íntimo. Mas se seu coração grita por mudança, tente o que os Elohins sugeriram, escolha não se importar, escolha tirar o foco do que está errado, escolha virar seu rosto para o que te irrita, te indigna, te entristece. Escolha parar de se debater com o que está chato e comece um propósito diferente, de positivação.

Ahhhh, essa palavra é pesada quando estamos em conflitos né? Eu entendo como isso pode ser difícil em alguns momentos. Então, vamos começar com algo simples, tipo isso: Só por essa semana, vou escolher não me importar mais com o que está indo mal, só por essa semana eu vou fechar os meus olhos e parar de encarar o contraste, ao contrário, só essa semana vou procurar aprender com ele. 
E você pode hein? Melhor, você merece fazer isso por si mesmo.

Linda semana!
Vinícius Francis 

Um comentário:

  1. Márcia Mossmann18 de maio de 2015 11:50

    Verdade, só os desmotivados lamentam pelas novas oportunidades que uma "segunda-feira" pode denotar... Eu, por exemplo, não diferencio os dias da semana por trabalhar de forma autônoma. Não tenho chefes, mas demandas de diversos clientes e por isso, procuro administrar meu tempo de maneira a atender cada trabalho de forma coesa e com responsabilidade relativamente aos prazos, independente se for sábado, domingo ou segunda-feira.
    Hoje, relacionei em meu quadro-negro, as demandas do dia para cumpri-las a contento. Mas como dependo do outro lado - dos clientes, os feedbacks não foram positivos e quase tudo está emperrado, Conclusão, me emperrei junto. Então, creio que a frase dos Elohim cabe perfeitamente e vou escolher Não Me Importar. O que rolar, rolou... no intervalo do que não rola, farei outras atividades que só dependem de mim. Gratidão!

    ResponderExcluir

Deixe aqui sua opinião ou pergunta.